sexta-feira, setembro 29, 2006

Abandonada..

Ele foi-se embora..
o meu focinho-metade partiu..
n precisou nem de meia hora..
"arranjou" uma cadela e seguiu..
***
Ele que vá.. que desapareça..
mas que nem pense em voltar..
que faça um favor a ele mesmo e me esqueça..
pois não se trata de saber perdoar..
***
É que existe um tempo certo pra tudo..
um tempo para dar.. mas também pra receber..
um tempo para amar.. e um tempo para esquecer..
***
"O meu focinho-metade", Karlytus, 29/09/2006

Esta fotografia foi tirada num concurso de agility em Lisboa.. adoro a expressão da cadela.. parece-me mesmo que está a pensar na vida.. Um beijo para ela onde quer que esteja...

4 comentários:

Bia disse...

Antes demais obrigada pela tua visita ao meu cantinho.
Agora a fotografia da cadela está mesmo boa, tens razão deve estar a pensar... quanto ao que escreveste é uma grande verdade nesta vida há tempo e tem de haver tempo para tudo, até para esquecer quando é o caso.

Afeiticeira disse...

Linda expressao sem duvida.Obrigada pela tua passagem pelo meu blog.Adorei as fotos. Jokas

dreams disse...

tens toda a razão...
mil palvras não chegam...

a expressão desta cadela é realmente notável...

gostei muito das tuas fotografias e da intensidade que colocas nos comentários que lhes fazes...

um beijo doce *
“·.¸Dreams¸.·”

Marlene Maravilha disse...

Muito lindo o teu blog! estou passeando sem parar!
Foto maravilhosa. A expressão de tristeza da cadela é algo impressionante. Mas está protegida e isso me deixa feliz. Já já se acostuma com o novo dono.
Isto me leva a considerar que temos que esquecer as coisas que para trás ficam.
abraços